Aguirre muda esquema no treino e indica Inter com três zagueiros na Libertadores

O técnico do Inter, Diego Aguirre, assim como a torcida, não anda satisfeito com o desempenho do time nas competições. O treinador iniciou a semana, inclusive, mudando o esquema tático da equipe, pensando principalmente no duelo decisivo contra o Emelec-EQU, fora de casa, pela Libertadores, no dia 18.

LEIA MAIS:
Ernando tem desempenho discreto na lateral, mas Aguirre aprova: “fez de tudo para ajudar”
Anderson volta a treinar no Inter e pode retornar ao time contra o Emelec-EQU

Na atividade desta segunda-feira (9), Aguirre montou o time com três, zagueiros, dois alas e apenas um volante de marcação no meio-campo. De acordo com o comandante, em entrevista concedida ao programa Bate-Bola, da TVCom, a ideia é proteger mais a defesa, setor bastante deficitário do time neste início de temporada.

“É possível que, fora de casa, adotemos um modelo de jogo com maiores precauções. Com os zagueiros que o Inter tem, o 3-5-2 é uma possibilidade real. Não estou de braços cruzados. Precisamos fazer algo diferente do que tem sido feito. Ainda não temos um time. Mas o Inter voltará a ser o Inter”, disse o técnico.

Nos 12 jogos feitos pela equipe Colorada até aqui, já foram sofridos 14 gols, sendo oito pelo Gaúchão e seis pela Libertadores. Por mais que o ataque tenha dado conta do recado em algumas ocasiões, a fragilidade defensiva se torna uma pedra no sapato, ainda mais em jogos grandes, contra adversários bem preparados, em vantagem psicológica. A partida contra os equatorianos, na semana que vem, tem essa característica para Aguirre.

O novo esquema tático pode vir a ser usado nos dois próximos compromissos do Inter no Gaúchão, como teste. Réver e Alan Costa devem, portanto, ganhar a companhia de Ernando, usado contra o Juventude, no último domingo (8), como lateral-direito. Mesmo tendo atuação bem discreta, o defensor foi elogiado por Aguirre, o que já foi um indicativo de que os planos táticos do comandante poderiam mudar.

Caso o discurso de Aguirre se confirme, o Inter deve entrar em campo contra o Aimoré, Brasil de Pelotas e Emelec-EQU com a seguinte escalação: Alisson; Réver, Alan Costa e Ernando; Léo, Nico Freitas, Nilton, Alex e Fabrício; Eduardo Sasha e Vitinho, levando em consideração as ausências de D’Alessandro, Nilmar e Aránguiz, machucados. Anderson, voltando de lesão, também poderia pintar entre os titulares.

Foto: Divulgação / SC Internacional



Tudo o que preciso é um papel e uma caneta. Apaixonado por esportes desde 1900 e bolinha: de futebol, basquete, tênis, rugby...