Peso, Burguer King, tentativa de voadora… Walter, cadê o futebol?

Walter

O atacante Walter já foi notícias nestes dois primeiros meses por diversos motivos, mas nenhum deles pelos seus atos dentro de campo. Com um dos salários mais altos do elenco do Fluminense, o jogador é alvo de cobranças da torcida. Cadê o futebol, Walter?

LEIA MAIS
Assista o momento em que Walter tenta dar voadora no companheiro
Torcedores fazem piada para explicar voadora de Walter em treino do Fluminense
Burger King quer Walter como garoto-propaganda no Goiás

O torcedor tricolor começou o ano com uma notícia já aguardada. O atacante se apresentou bastante acima do peso e ouviu do técnico Cristóvão Borges que futebol “não é colégio infantil” e jogou a responsabilidade para o jogador.

Mas parece que Walter não entendeu o recado. Ou se entendeu, preferiu não dar muita bola.

Desde então, o Fluminense fez dois amistosos nos Estados Unidos e seis jogos pelo Campeonato Carioca e nenhum sinal de Walter. O atacante não foi utilizado em dois deles, saiu do banco nos outros quatro e não fez nenhum gol no ano.

O noticiário, no entanto, seguiu quente. Primeiro, especulações sobre uma ida para Santos, Flamengo ou Grêmio. Depois, a notícia de que a rede de faz food Burguer King tinha interesse em levar o atacante de volta ao Goiás.

Por último, a tentativa de dar uma voadora no goleiro Kléver durante um treinamento nas Laranjeiras.

Em 2014, foram apenas 9 gols em 41 jogos. Em 2015, zero gols em 69 minutos. Número bem ruins para um atacante de peso como Walter, futebolisticamente falando.



Editor senior do Torcedores.com, o jornalista formou-se na Universidade Metodista em 2009 e passou pelas redações do Diário do Grande ABC, Agora SP, UOL e Fox Sports, onde fez a cobertura da Copa do Mundo de 2014. Está no Torcedores desde outubro de 2014.