Palmeiras deve encerrar arbitragem com a WTorre na próxima semana

Paulo Nobre sinaliza possível acerto com a construtora. Briga na arbitragem deve ter fim próximo.

LEIA MAIS:
Renda do Palmeiras já é maior que dos Campeonatos Carioca, Mineiro e Gaúcho

Impossível de imaginar meses atrás, o Palmeiras está disposto a encerrar a arbitragem aberta com a WTorre. Desde o meio das obras, clube e construtora brigam na Fundação Getúlio Vargas por conta de uma desavença na vendas das cadeiras.

A construtora acredita que tem direito à 100% das vendas. Já o Palmeiras aponta que a WTorre tem direito a apenas 10 mil unidades. Depois de diversas tentativas de diálogo, a diretoria do Verdão está mais receptiva para um bate-papo final. A ideia é manter um bom relacionamento e evitar rusgas durante a gestão Nobre.

O último entrave entre as duas partes ocorreu após o término das duas apresentações promovidas pelo ex-Beatle Paul McCartney. A construtora jura que alugou o Allianz Parque por apenas R$ 300 mil. Desse valor, R$ 60 mil foi repassado para o financeiro do Palmeiras. Diretores e conselheiros consideraram uma verdadeira afronta e questionaram os valores, já que o show foi um grande sucesso de vendas de bilheteria.

Por enquanto, todo valor arrecado em jogos de futebol está sendo destinado para o clube.



Thiago Gomes é Administrador de Empresas. Trabalha com estratégias digitais e consultoria de e-commerce. É palmeirense e um apreciador do futebol, tanto nacional quanto internacional. Escreve para site esportivo desde 1996.