Nascar: Logano vence a Daytona 500; veja os melhores momentos

Joey Logano venceu na tarde deste domingo (22) a Daytona 500, etapa de abertura da temporada 2015 da Nascar Sprint Cup, disputada no oval de 2,5 milhas de Daytona. O piloto da Penske manteve-se entre os cinco primeiros durante as 203 voltas da corrida, conseguiu disparar – o que em Daytona significa abrir três décimos em relação aos adversários – nas voltas finais, e nem mesmo a prorrogação da corrida foi capaz de tirar a primeira vitória do piloto no ano.

LEIA MAIS:
Piloto da Nascar sofre fraturas após acidente e está fora da Daytona 500

A vitória de Logano, que liderou 31 voltas, o colocou no Chase, fase decisiva do campeonato. Além disso, surpreendeu os pilotos da Hendrick Motorsports, que dominaram a maior parte da corrida. Jeff Gordon, Jimmie Johnson, Dale Jr. estiveram em muitos momentos dividindo as três primeiras posições da corrida, sendo ameaçados pelo representante da Penske e por Martin Truex Jr., que também apareceu com constância entre os cinco melhores da corrida.

“Eu não posso acreditar nisso!”, disse Logano, mais jovem vencedor da história da Sprint Cup, ao vencer em 2009 uma prova aos 19 anos. “”Isso é realmente fantástico. A Daytona 500?! Oh, meu Deus! Você está brincando comigo?”, completou o piloto em entrevista no Victory Lane, local onde o vencedor das corridas da Nascar recebe sua premiação referente a vitória.

A segunda colocação ficou com Kevin Harvick, atual campeão da Nascar Sprint Cup, que apareceu com mais destaque nas últimas cinquenta voltas da corrida. Dale Earnhardt Jr., vencedor da corrida no ano passado, ficou com a terceira posição. O piloto da Hendrick Motorsports levantou o público que lotou as arquibancadas ao assumir a liderança na 114ª volta, superando justamente Logano.

Assim como nas corridas da Camping World Truck Series e da Xfinity Series, a etapa de abertura da Sprint Cup teve nenhum big one, que aconteceu na última volta e envolveu sete carros, entre eles Jeff Gordon. Das seis bandeiras amarelas da prova, metade ocorreram por conta de batidas: a segunda, em um acidente que tirou Tony Stewart da prova, a quarta, quando o motor de Brad Keselowski estourou e Ryan Newman atingiu o carro de Jamie McMurray, que freou para não atingir o companheiro de Logano.

A próxima etapa da Nascar Sprint Cup acontece já no próximo domingo (1º), com a realização da Folds of Honor Quiktrip 500, prova de 500 milhas que será disputada no circuito oval de 1,54 milhas de Atlanta, no estado da Georgia.

Veja os melhores momentos da Daytona 500:

Foto: Chris Graythen/Getty Images



Jornalista com passagens pelas revistas Racing e House Mag.