Mundial de Rugby deve gerar grande impacto econômico em países-sede

O rugby voltará a fazer parte das Olimpíadas em 2016 no Rio de Janeiro, e demonstra que está, aos poucos, crescendo.

De acordo com a World Rugby, o torneio Mundial de Rugby que ocorrerá em setembro e se estenderá até outubro trará um impacto de aproximadamente € 2,7 bilhões para a economia de Inglaterra e País de Gales, que neste ano sediarão o torneio.

A Copa do Mundo de Rugby está entre os torneios que mais geram interesse entre patrocinadores e TV, apesar de pouco popular no Brasil. Só de direitos de transmissão, o Conselho Internacional de Rugby(entidade máxima do esporte) prevê arrecadação de € 300 milhões.

VEJA TAMBÉM
Jogador de rugby vai à “nocaute” duas vezes na mesma partida; Confira o vídeo

A Toshiba foi a última empresa anunciada como patrocinadora oficial da competição, que será disputada de 18 de setembro a 31 de outubro. A empresa japonesa já havia patrocinado os eventos anteriores, nas edições de 2007 e 2011.

Além da Toshiba, outras multinacionais também já associaram seus nomes ao evento. Como Coca-Cola, Heineken, Canon, Land Rover, MasterCard, DHL entre outras.

O Mundial contará com a participação de 20 países (Argentina é o único país representante da América do Sul), que foram divididos em quatro grupos com cinco equipes. Os dois primeiros colocados de cada grupo avançam às quartas de final, disputadas em sistema de mata-mata até a decisão. Austrália e Nova Zelândia são os grandes favoritos.

 

Confira abaixo o vídeo promocional que a Gilbert, principal fornecedora de material esportivo, produziu para o evento.

 



Curioso e observador. Amante dos esportes. Fascinado por Propaganda e Marketing.