Jogador é atacado por cachorro da polícia no Campeonato Mineiro

Uma das cenas mais inusitadas dos últimos tempos no futebol aconteceu ontem (22), no Campeonato Mineiro, durante a partida entre o Democrata e Tupi. O atacante João Paulo, do Pantera, disputou uma bola na lateral do campo com um adversário e, ao ser derrubado, caiu sobre um policial militar. O pastor alemão que acompanhava o agente de segurança se assustou e atacou o jogador, para a perplexidade do público presente.

LEIA MAIS:
América-MG joga com raça, vence Atlético e é vice-líder do Mineiro
Leandro Damião retoma boa fase e ganha confiança da torcida celeste

Flamengo empata com gol polêmico e torcedores zoam na internet

Jogando em casa, o Democrata, da Cidade de Governador Valadares-MG, recebeu o Tupi e perdeu por 1 a 0, gol de Danilo aos 31 minutos da etapa inicial, conforme informação do portal Fechadocomapantera.com.br (colaboração de Pablo Amaral), contudo, o destaque da partida aconteceu no segundo tempo.

João Paulo derrubou acidentalmente um PM que fazia a segurança da partida na beira do gramado e foi atacado pelo cachorro que o auxiliava. Inicialmente, muitos torcedores acharam que a confusão na beira do gramado fosse uma briga entre o policial e o atleta, mas quando foi possível ver o animal atacando o jogador todos ficaram chocados.

O pastor alemão mordeu gravemente o braço direito de João, que ficou no chão até receber atendimento médico. Seu braço foi enfaixado, mas o atleta se recusou a abandonar a partida e mesmo ferido tentou levar o time da casa pelo menos ao empate, mas não conseguiu. Com a derrota o Democrata segue na lanterna do Campeonato Mineiro, enquanto o Tupi chegou aos seis pontos e ocupa o sexto posto na tabela.

Foto: Reprodução/Twitter