Opinião: Caiu em Itaquera, já era!

Corinthians
Getty Images

Ganhar do São Paulo em Itaquera é bom, ver a cara do Rogério Ceni vendo a bola passar e o Jadshow fazendo gol no time rival então…VIXE.

LEIA MAIS:
São Paulo vira piada na web após derrota no Majestoso; confira

A noite desta quarta foi do jeito que a torcida corintiana gosta. O duelo era histórico, representava uma rivalidade marcante que, enfim, chegou à Copa Libertadores. Mas os dois times, em si, se apresentaram muito diferentes. O Corinthians tinha vontade de vencer.

O time entrou em campo com o estádio lotado, recorde de público, de arrecadação e com cara de Barcelona, no maior estilo: vim, vivi e venci. A torcida como sempre, fez o melhor da partida.

Aos 11min do primeiro tempo, Jadson enxergou o deslocamento de Elias e acertou lançamento preciso para a finalização de primeira. É o sexto gol dele sobre o time do Morumbi em 8 jogos.

O São Paulo fez algumas mudanças para o segundo tempo, mas não teve jeito, a festa era nossa. Sheik avançou em velocidade e viu a passagem de Jadson, que aplicou drible bonito em Reinaldo e tocou por baixo de Rogério Ceni. (Vou lembrar desta cena para sempre).

Em entrevista pós jogo, Danilo resumiu: “Libertadores é assim”. O substituo do Guerrero fez duas belíssimas tentativas no segundo tempo, mas não deu.

A noite foi de Jadson e Elias, mas meus méritos vão para o Tite. O 4-1-4-1 tem dado resultado na temporada. Em nove jogos, foram sete vitórias, um empate e uma derrota. Seu trabalho tático, com cara de Corinthians, fez toda diferença.

Crédito da foto: Getty Images



Formada em jornalismo pelo Mackenzie, demorei anos para perceber que dá, sim, para ir atrás dos sonhos e trabalhar com o que se gosta: o esporte. Hoje me divido entre o esporte e a política. Nunca vou me conformar com os que dizem: "É só futebol.."