Amigos de infância, Felipe e Pedrinho treinam juntos para o Showbol; veja

Felipe e Pedrinho começaram juntos no futsal do Vasco da Gama na década de 1990. Canhotos e habilidosos, os dois atletas chamaram atenção desde a infância não só pelo talento com a bola no pé, mas também pela amizade que tinham. Assim, não demorou muito para dois trocarem a quadra pelo gramado e, de desconhecidos, se tornaram ídolos no Gigante da Colina. Hoje, ao que parece, a dupla continua junta e se divertindo com o futebol.

LEIA MAIS:
Vasco usa edital de Licitação do Maracanã para defender seus direitos no estádio
FERJ admite erros de arbitragem no Campeonato Carioca

Campeões brasileiros em 1997 e 2000, campeões carioca em 1998, campeões do Torneio Rio São Paulo de 1999, campeões da Copa Mercosul de 2000 e, principalmente, campeões da Libertadores de 1998. Felipe e Pedrinho estiveram juntos em alguns dos principais títulos da história do Vasco da Gama.

Curiosamente, os dois chegaram ao futebol de campo como meias, mas o talento de Pedrinho obrigou Felipe a virar lateral-esquerdo e, assim, ter mais chances de atuar com o amigo. A ideia foi um sucesso e o filho do seu Jorge, vestindo a camisa 6, fez história no Gigante da Colina.

O destino também foi cruel com Pedrinho e um grave lesão adquirida no final dos anos 90 prejudicou o seu desempenho até o final da carreira. Sem isso, provavelmente sua importância para o futebol teria ido além dos muros de São Januário.

Sem os dois em campo, quem perdeu foi o futebol. Talentos como os de Felipe e Pedrinho não se vê todo dia. A torcida do Vasco sabe bem disso e, talvez por isso, um vídeo divulgado com os dois brincando tenha feita tanto sucesso na internet. Assista e mate a saudade desses craques.