Sonho de consumo de Inter e Palmeiras, Réver vê futuro incerto no Atlético-MG: “feliz pelo interesse”

Palmeiras
Getty Images

O zagueiro Réver é um dos jogadores mais desejados no mercado nacional em janeiro. O defensor é o sonho de consumo do Internacional e do Palmeiras, que brigam nos bastidores pelo jogador. O ex-capitão do Atlético-MG reconhece que seu futuro está indefinido e não descarta uma transferência.

LEIA MAIS
Amistoso que Atlético-MG faria contra Estudiantes-ARG é adiado

A diretoria atleticana adota o discurso de que tentará manter Réver. Porém, o jogador não é considerado peça fundamental do elenco do técnico Levir Culpi.

Réver comemora a procura de outros clubes e espera definição do futuro. “Fico feliz pelo interesse desses grandes clubes, mesmo voltando de lesão e ficado um bom tempo parado. Meu pensamento é trabalhar e ser feliz. Não sei o que vai ser definido. Espero que seja definido o mais rápido, já está virando novela. Sou profissional. Estou trabalhando. Venho de um ano parado. Isso não é nada bom para o atleta que almeja coisas grandes na carreira”, disse.

“Ninguém do Atlético-MG me passou nada. Não sei como anda ou se teve alguma coisa oficial. Tenho falado bastante com meu empresário, isso é natural. Acabei colocando ele na parede, porque eles não querem passar nada para gente, até para não atrapalhar. Fui bem claro com ele: ‘você ganha para isso, então resolva’. Estou focado no meu treinamento”, observou Réver.

O defensor atleticano reitera, porém, não ter problema em seguir no Atlético. “Acho que nós não temos o poder de decidir tanto, a não ser dentro de campo. Nessa fase onde o dinheiro manda e em que os clubes acabam passando. Sou feliz aqui e vou procurar cumprir meu contrato”, disse Réver.



Jornalista, foi repórter do UOL Esporte por sete anos, nos últimos quatro, como setorista do Atlético-MG. Cobriu também Cruzeiro, vôlei, UFC, natação. Formado pela Newton Paiva, é colaborador em Belo Horizonte do Torcedores.com