Tremor de terra no Chile assusta elenco do São Paulo

Getty Images

O São Paulo viajou até o Chile para enfrentar o Huachipato, pela partida de volta das oitavas de finais da Copa Sul Americana. O fato de ter vencido o primeiro jogo por 1 a 0 dá ao Tricolor Paulista a vantagem do empate neste duelo, sendo que em caso de um gol marcado o adversário teria que vencer por dois ou mais gols de diferença para se classificar.

LEIA MAIS:
Top 10: Veja quais são as maiores vítimas de Rogério Ceni
Times brasileiros são os que mais trocam de técnicos no mundo; veja pesquisa

Além de um estádio lotado e de um Huachipato motivado e com vontade de vencer, o time de Muricy Ramalho ganhou mais um obstáculo para o jogo de hoje: o medo de terremoto. Na manhã desta quarta (15), um tremor de terra de pouca intensidade assustou a delegação são-paulina que está hospedada na província de Concepción.

Segundo o auxiliar técnico Milton Cruz, em entrevista à ESPN, alguns atletas acordaram bastante assustados com o tremor que começou por volta das seis da manhã. Apesar do susto, ninguém saiu ferido.

O tremor atingiu a magnitude de 4,9 na Escala Richter e foi sentido nas regiões centrais do país. Segundo o Centro Nacional de Emergência local, não foram registradas pessoas feridas ou mesmo danos à infraestrutura do Chile. O serviço hidrográfico da marinha chilena também informou que a força deste tremor não é capaz e gerar tsunamis.

Huachipato e São Paulo se enfrenta hoje (15), às 19h30min.