Polícia bielorrussa prende torcedores que protestavam contra Putin durante jogo

A polícia bielorrussa prendeu dezenas de torcedores ucranianos e bielorrussos que gritavam palavras de ordem pró-Ucrânia e cantavam contra o presidente russo Vladimir Putin em uma partida de futebol.

Os fãs cantavam um refrão anti-Putin antes da partida válida pelas Eliminatórias para a Euro 2016. Além disso, eles também gritavam “glória aos heróis!” e “glória à Ucrânia!”

Putin, que estava em Minsk na sexta-feira para uma cúpula de líderes da Comunidade de Estados Independentes, é odiado em Kiev desde que a Rússia anexou a Crimeia em março e passou a apoiar separatistas que combatem as forças do governo no leste da Ucrânia.

O grupo de direitos humanos Vesna96, com sede em Minsk, disse que cerca de 40 pessoas haviam sido detidas. Um porta-voz da polícia da Bielorrússia, Konstantin Shalkevich, confirmou alguns torcedores foram presos, mas ele não quis dizer quantos.

Em Kiev, um porta-voz do Ministério das Relações Exteriores, Yevhen Perebiynis, afirmou que ao menos 15 cidadãos ucranianos haviam sido presos após o jogo.

A seleção da Ucrânia bateu a vizinha Bielorrússia por 2 a 0, na partida que foi disputada na cidade bielorrussa de Borisov.



Jornalista, formado na Metodista, com passagens pelo UOL, R7, Meia Hora e Diário do Grande ABC.