Paulo André fala sobre ter processado Corinthians e é hostilizado pela torcida

Recentemente, a notícia que Paulo André teria entrado com um processo contra o Corinthians ganhou um destaque na mídia. O jornalista Jorge Nicola postou em seu blog na última quarta-feira (09), que o zagueiro estaria cobrando R$ 2,9 milhões do clube alvinegro. Por conta disso, o ex-camisa 13 do timão foi hostilizado pela torcida do clube nas redes sociais e o mesmo, pelas próprias ferramentas, veio esclarecer o assunto.

LEIA MAIS
Veja os clubes brasileiros que mais ganharam títulos desde 2000
Corinthians homenageia Zizao, mas não mostra a cor de time chinês; entenda
Cartola FC: Veja dicas para a rodada 28 do Brasileirão

Nicola havia colocado em seu post, que Paulo André cobrava do Corinthians os direitos de arena, além das horas extras pelos domingos e feriados trabalhados. Tudo foi explicado em uma longa nota de esclarecimento do defensor. No texto, o jogador do Shanghai Shenhua explica que ele fez nada mais do que está na lei, já que por diversas vezes ele já havia conversado com a diretoria e depois de tantas promessas não cumpridas dos dirigentes, resolveu entrar na justiça.

Além de cobrar o direito de arena, o acordo com a diretoria corintiana também previa as premiações decorrentes dos títulos do Campeonato Paulista, Recopa e pelos jogos do Brasileirão de 2013, além da diferença do saldo da renovação contratual de trabalho que aconteceu em janeiro de 2012. No fim da nota, Paulo André diz que não falará mais sobre o assunto por questões judiciais.

Pelas redes sociais, Paulo André recebeu diversas “intimações” da torcida do Corinthians, mas também teve quem saiu em defesa do jogador. Veja algumas postagens:

 

 

 

 

Foto: Reprodução/Facebook

 



Jornalista. Como todo torcedor também gosto de dar meus pitacos. Fã da seleção italiana, do Milan e do Arsenal.