Gobbi põe permanência de Mano em dúvida e mostra mágoa com Tite

Getty Images

A entrevista de Mário Gobbi, presidente do Corinthians, no programa “Arena Sportv”, rendeu diversas polêmicas. Além da discussão com Wagner Villaron, na questão sobre as torcidas organizadas, o dirigente deu uma cutucada em Tite, ex-treinador do Timão, e levantou a possibilidade do clube começar a temporada de 2015 sem técnico.

LEIA MAIS:
Presidente do Corinthians discute com comentarista do Sportv

“Teve gente que não foi homem de assumir que pediu pra vender o Marquinhos para a Roma três anos atrás. Se não bastasse isso, ainda indicou o Ibson para o lugar do Paulinho”.

O mandatário do Timão, também comentou sobre a permanência de Mano Menezes no clube na próxima temporada. Segundo Gobbi, a decisão ficará por conta do próximo presidente.

“Quem vai decidir o técnico em 2015 é o novo presidente. Não vou assinar um contrato por 30 dias, quem quer isso? Ninguém. Já que o Conselho Deliberativo vetou a antecipação da eleição, vamos pagar esse mico e ficar 30 dias aguardando o novo técnico. E quem vier põe seu novo técnico, lá tem uma equipe para treinar. Não posso assinar por 12 meses e dar para o presidente que vai chegar”, concluiu o mandatário.

Crédito da foto: Getty Images



Sou formado pela FMU e minha última passagem no mundo esportivo foi no site Universo dos SPorts. No começo da carreira trabalhei como apresentador no programa "Olé" da ALLTV. Agora assumo a responsabilidade de produzir matérias para o site "torcedores.com". Sou apaixonado por esportes e respiro futebol e NFL 24 horas por dia.