Flamengo joga pelo recorde de presenças em semifinal

técnico
Getty Images

O Flamengo entra em campo nesta quarta-feira (15) com uma missão: se classificar para a semifinal da Copa do Brasil. Para isso, precisará apenas de um empate contra o América de Natal, no Maracanã, já que ganhou o jogo de ida no Rio Grande do Norte por 1 a 0.

Mas há mais em jogo do que a chance de chegar às fases finais do torneio, que classifica o campeão para a Copa Libertadores de 2015. Se conseguir a classificação, o Flamengo se juntará ao Grêmio e se tornará o recordista de participações nas semifinais da competição, com 11 presenças.

Até o momento, o rubro-negro tem 10 participações, sendo quatro eliminações e seis êxitos, que renderam três vices e três títulos.

Relembre as 10 vezes em que o Flamengo chegou na semifinal da segunda maior competição do Brasil:

1989
Após eliminar o Corinthians nas quartas, o Flamengo caiu para o Grêmio. No primeiro jogo, empate de 2 a 2 no Maracanã. Mas no Olímpico, o Tricolor Gaúcho não tomou conhecimento do rival e aplicou um 6 a 1, continuando sua caminhada à conquista da primeira edição do torneio.

1990
No ano do primeiro título, o rubro-negro eliminou o Náutico na semifinal, após uma vitória por 3 a 0 no Rio de Janeiro e empatar de 2 a 2 em Pernambuco, se habilitando para vencer o Goiás na final.

1993
Novamente o Grêmio pela frente numa semifinal. E novamente uma eliminação. No jogo de ida, vitória por 4 a 3 no Maracanã. Na volta, derrota por 1 a 0. Pelo menos dessa vez, o carrasco não seria campeão, perdendo a final para o Cruzeiro.

1995
Abrindo a sequência de três semis consecutivas, o rubro-negro enfrentaria no ano do centenário o… Grêmio! E adivinha o que aconteceu? O carrasco novamente se impôs e carimbou a terceira eliminação. No primeiro jogo, o Flamengo venceu por 2 a 1. Mas novamente uma derrota por 1 a 0 no Olímpico eliminou o rubro-negro, que veria o já tradicional carrasco perder a final para o Corinthians.

1996
Na segunda semi seguida, o adversário foi o Cruzeiro. Após empate de 1 a 1 no Maracanã, o time mineiro segurou o 0 a 0 no Mineirão e se classificou para a final, quando venceria o Palmeiras. É a última eliminação do rubro-negro nessa fase.

1997
Completando a trilogia, o adversário foi o Palmeiras. Dessa vez, duas vitórias (2 a 0 no Maracanã e 1 a 0 no Parque Antártica) garantiram ao Flamengo mais uma final, onde ficaria com um amargo vice em casa contra o… Grêmio.

2003
Após um bom tempo sem chegar entre os quatro, o Flamengo volta às semis contra o Sport. Vitória por 1 a 0 na Ilha do Retiro permitiu ao rubro-negro carioca segurar o 0 a 0 no Maracanã e se classificar para a terceira final, quando perderia para o Cruzeiro de Luxemburgo.

2004
Após bater, enfim, o Grêmio nas quartas, o Flamengo enfrentaria outro rubro-negro: o Vitória foi adversário da semifinal de 2004. O Mengão foi à final após bater duas vitórias: 1 a 0 no Barradão e 2 a 0 no Maracanã. A final de 2004 foi inesquecível para os torcedores, com mais um vice em casa, contra o improvável Santo André.

2006
No ano do bi, o rubro-negro venceu o Ipatinga de Ney Franco, Walter Minhoca e cia. Empate em Minas por 1 a 1 e vitória por 2 a 1 no Maracanã classificaram o Flamengo para vencer a final contra o arquirrival Vasco.

2013
Ano passado, veio o tri. Após golear o Botafogo nas quartas, o Flamengo precisou eliminar o Goiás do gordinho Walter. Duas vitórias por 2 a 1 e classificação para bater o Atlético Paranaense na final.



Carioca, bacharel em Direito e bacharelando em Jornalismo pela FACHA. Não escolheu o jornalismo mas foi escolhido por ele. Sonho profissional: casar com a editoria de esporte e ser amante das páginas de política. Resumidamente, um cronista do cotidiano, comentarista do dia-a-dia e palpiteiro da rotina.