Ainda dá para sonhar com o título, São Paulo?

Rogério Ceni
Getty Images

É por isso que o futebol é a coisa mais fascinante que existe. Há quem diga que é a coisa mais importante dentre as menos importantes. Discordo. Acredito que futebol seja uma fatia considerável da vida.

Não consigo imaginar vida sem futebol. O que seria das quartas à noite? Dos domingos à tarde? Daquele papo de bar com os amigos? Da pelada às quintas? Até o Cartola se tornou motivo de enorme entretenimento entre os amigos. Não há como negar, o futebol te encontra por todos os lados. E sabe o motivo? Futebol é vida e faz nos sentirmos vivos.

É esse sentimento que renasce no Morumbi mais uma vez, o de ‘estamos vivos’, após a morna, porém eficaz, conquista de três pontos aliada à derrota mineira . Aquela sensação de ‘É difícil, quase impossível, mas ainda dá!’.

LEIA MAIS
Vai deixar saudades! Veja a defesa de Rogério Ceni contra o Atlético-PR
Veja os clubes brasileiros que mais ganharam títulos desde 2000

E caso perca no desfalcado e dificílimo confronto de domingo, o ‘já era’ volta à tona. E uma nova combinação na outra quarta faz voltar o ‘ainda dá’.

Impossível não pensar nas incompreensíveis perdas de pontos em casa que nos colocariam hoje lado a lado com o líder. Coritiba, Chapecoense, Criciúma. Ok, ocorreram enquanto o time ainda não tinha cara e nem forma. Já os pontos doados a Flamengo e Fluminense vieram depois da formatação da equipe, depois da chegada de Kaká, depois do surgimento do quadrado outrora mágico…

Passado. Leite derramado não retorna à mesa. Binóculos na mão e vamos em frente. São 33 pontos a disputar. 7 a tirar. Acredito que o Cruzeiro tropece domingo no Maracanã diante do Flamengo. Já nós, não teremos Kaká, Ganso e Souza. Galo vai sem Tardelli, único destaque da atual equipe. Se ganharmos, voltamos à briga de verdade.

A caminhada é árdua, mas pode se tornar milagrosamente inesquecível.

Sinceramente, não sei se é amor ou ilusão.
Mas seja lá o que for, eu vou de São Paulo.



Redator publicitário e editorial, colunista no site Por Baixo das Pernas e depoente no filme Soberano 2. Acredita que mulher, cerveja e futebol são os propósitos da vida.