Valdívia admite que pisão em Amaral foi de propósito

valdívia

Há um mês, Valdívia não entrava em campo, mas no seu retorno aos gramados, o Mago fez de tudo um pouco e, após dar uma linda assistência para o gol de empate do Palmeiras, conseguiu ser expulso em jogada infantil.

Após entrar no intervalo e mudar a história da partida, pois ajudou a empatar um jogo que o Flamengo vencia por 2 a 0, Valdívia poderia ter saído como herói, mas perdeu a cabeça e em um lance bobo prejudicou o alviverde paulista.

LEIA MAIS: Como você, Marin também está insatisfeito com a arbitragem brasileira

Após o duelo, Valdivia concedeu entrevista e explicou o que aconteceu:

“A gente se enroscou. Depois, quando ele estava no chão, tive uma reação absurda, idiota, e deixei a planta do pé nas costas dele, acho. Não chegou a ser um pisão, mas deixei o pé nas costas dele. Foi um lance infantil, fiz cagada. Desculpe a palavra, mas eu fui mal. Só peço para não exagerar muito (na punição). Todos sabem que, quando sou eu que estou envolvido, tudo parece mais complicado e difícil”, disse em entrevista na zona mista.

Consciente do erro cometido, Valdívia admitiu aceitar uma eventual punição pelo STJD em virtude de seu erro:

“Não, eu não estava nervoso, não. Particularmente, não tive nenhum problema com o juiz. Foi um lance isolado, um lance em que fui mal. Peço desculpas a todos. Bom, agora é só esperar a punição, que não seja tão dependente de tudo que envolve o meu nome. Se eu for punido, vocês serão os primeiros ou os segundos a saber. Punição faz parte do jogo”, completou Valdívia.

Crédito da foto: Reprodução