Kaká nega “dependência” dele para o São Paulo vencer

Kaká
Getty Images

A derrota para o Coritiba, na ultima quarta-feira, afastou o São Paulo mais vez do líder Cruzeiro, colocando a diferença novamente na casa dos sete pontos. A ausência do goleiro e capitão Rogério Ceni e, principalmente, do meia Kaká, foram desfalques importantes, que mostraram uma falta de liderança e equilíbrio do time durante o duelo.

Leia mais:
Rivais colocam São Paulo na briga pelo título
Dono do Orlando City descarta permanência de Kaká no São Paulo
Cartola FC: Veja dicas para a rodada 23 do Brasileirão
Veja os gols da 22ª rodada do Brasileirão

Apesar dos indícios de que a equipe criou uma “Kakádependência”, o meia não enxerga dessa maneira. Pelo menos foi o que o próprio jogador disse em entrevista coletiva no início da tarde, no CCT da Barra Funda:

“Eu acredito que um time não pode depender de um jogador. Eu sei da minha responsabilidade e da minha importância pra esse time, mas não acredito que um grupo forte possa depender de um jogador.”

Kaká também citou a sua motivação para participar do clássico diante do Corinthians, no próximo domingo: “Eu acho que vai ser um jogo muito legal, eu estou motivado, contando as horas pra esse jogo. Eu acho que tem tudo pra ser um grande clássico e com muitas coisas boas.”

Após o seu retorno ao Tricolor, Kaká já disputou dois clássicos, saindo vitorioso contra Palmeiras e Santos, ambos por 2 a 1. Porém, o próximo adversário do jogador não lhe traz grandes lembranças com relação ao retrospecto: Em oito oportunidades, o camisa 8 venceu apenas duas vezes.

Foto: Getty Images



Jornalista formado em 2012 pela FIAM e que tem paixão por esportes, destacando-se Futebol, MMA, Basquete e Automobilismo. Foi editor e repórter do Universo dos Sports.