Dono do Orlando City descarta permanência de Kaká no São Paulo

Atual vice-líder do Campeonato Brasileiro, o São Paulo planejava um plano para prolongar o empréstimo de Kaká para a disputa da Libertadores 2015, junto ao Orlando City, clube do empresário brasileiro Flávio Augusto de Lima. Porém, nesta terça-feira em entrevista ao “Arena SporTV”, Flávio descartou a permanência de Kaká no clube do Morumbi.

Leia mais: Rivais colocam São Paulo na briga pelo título

“Não vejo nenhuma chance do Kaká continuar. Fico feliz que ele tenha colaborado com o São Paulo, eu tenho visto ele jogar. A contribuição dele não é apenas dentro de campo. Acho que é fora também, junto com os outros atletas. O próprio Ganso evoluiu muito, o Pato parece que está reencontrando o seu futebol. Mas estamos contando como Kaká 100% a partir de janeiro”, afirmou.

O dono do clube americano destacou que o elenco foi montado em torno de Kaká e que conta com o jogador já em Janeiro, para a preparação da equipe na Major League Soccer (MLS) que se inicia em Março.

– O Kaká foi emprestado ao São Paulo até o final dessa temporada do Brasil. Ele é parte de um grande investimento nosso, assinamos um contrato de três anos e meio com o Kaká. Ele tinha opções de jogar em vários locais, em vários clubes. Nós apresentamos um projeto e ele aderiu ao nosso projeto. Ele vai estar trabalhando com a gente a partir do ano que vem, é uma figura central e essencial do nosso projeto, toda a equipe está sendo montada em função dele.

O Orlando City estreará na MLS no próximo ano e além de contar com Kaká o clube deverá contar com jovens jogadores brasileiros. Flávio estaria negociando com alguns jovens valores e deve anuncia-los na próxima semana.

– A equipe deve ter mais dois ou três brasileiros. Nós estamos de olho aqui no Brasil. Nas próximas semanas devemos anunciar mais duas contratações de jovens brasileiros. Eles devem estar assinando logo com a gente. O Brasil é um formador de talentos. É um futebol alegre, admirado por todos. Eu sou fã do futebol brasileiro. A nossa ideia é o Orlando City ser o Brasil na MLS para contar a imensa torcida dos brasileiros.

 

Foto: Reprodução/OrlandoCity



Jornalista em formação. Fanático por esportes, principalmente futebol. Vivo em busca de desafios e oportunidades que a vida me proporciona.