Nas estatísticas da Série B, o Vasco não é o melhor em nada

salários
Crédito da foto: Getty Images

O técnico Adilson Batista já assumiu publicamente que está assustado com o fato de o Vasco ainda não ter engrenado na Série B. Após doze partidas disputadas, a equipe está apenas na décima colocação e só figurou no G4 em uma única rodada.

A preocupação do comandante é ainda maior quando se analisa as estatísticas do time e percebe que, em nenhum dos quesitos importantes, o Vasco é o melhor. Nos dados referentes a passes e chutes certos, respectivamente, o Gigante da Colina ocupa a segunda colocação, com 4529 passes trocados corretamente (o Avaí é o primeiro com 4600) e 76 finalizações no alvo (a Ponte Preta é a melhor com 77).

No restante, como desarmes, lançamentos e gols marcados, o Vasco não está sequer entre os primeiros, voltando apenas a aparecer, mas não por um bom motivo, como a quarta equipe que mais erra chutes ao gol: foram 115 até agora.

Independente do que dizem os números, o fato é que o Vasco ainda não fez valer o peso da sua camisa na Série B. Com uma partida disputada a menos do que seus principais adversários, o time de Adilson Batista precisa encontrar o caminho certo o mais rápido possível, pois com o tempo o portal para o acesso fica mais estreito e pode ser tarde demais para correr atrás do prejuízo.

Dados: Footstats.net

Crédito da foto: Getty Images