Mercado da bola: Di Maria será a venda mais cara da história do Real

Getty Images

A transferência de Di María para o PSG já é dada como certa em Madri e, quando for concretizada, se tornará a maior negociação de um atleta da história do clube madridista.

Acostumado a contratar jogadores por valores milionários, o Real Madrid não costuma repassar atletas por valores tão elevados quanto fará ao negociar o meia argentino com o clube francês. Di María, que se destacou na Copa do Mundo ao lado de Messi pela seleção argentina, teve seu espaço reduzido no clube após a chegada de Kroos e, principalmente, de James Rodriguez.

Estima-se que o PSG pagará em torno de 80 milhões de euros para contratar o atleta e atenderá aos seus desejos salariais, coisa que o Real Madrid não mostrou muito interesse em fazer quando Di María pediu aumento.

O principal imbróglio à negociação é o Fair Play financeiro imposto pela Uefa, que impede o clube francês de realizar outra contratação sem se desfazer de uma peça do elenco. Para isso, o atacante Cavani deve ser negociado com o Manchester United, abrindo uma brecha no milionário elenco inchado desde a chegada de David Luiz.

A transferência de Di María para Paris por 80 milhões de euros, o torna no jogador mais caro a ser negociado pelo Real Madrid, superando os 50 milhões de euros que levaram Ozil a vestir a camisa do Arsenal.

Crédito da foto: Getty Images