Pato x Jadson: covardia dos clubes veta duelo e estraga o clássico

Pato

São Paulo e Corinthians farão um dos grandes clássicos da quarta rodada do Campeonato Brasileiro no próximo domingo, na Arena Barueri, mas as duas principais atrações do duelo do fim de semana não poderão estar em campo.

Trocados no início da temporada, na transação que mais deu o que falar no futebol brasileiro, o ex-corintiano Pato e o ex-são-paulino Jadson não poderão enfrentar suas equipes de origem. Culpa da covardia dos cartolas que redigiram os contratos.

Quando sacramentaram o troca-troca da dupla, são-paulinos e corintianos logo se apressaram para garantir que os jogadores fossem proibidos de entrar em campo quando as duas equipes fossem se enfrentar.

DESTAQUES
Conheça o lado B de Ayrton Senna
Corinthians sem graça lidera o Brasileiro

Por conta disso, Alexandre Pato, que vem reencontrando seu futebol ao lado de Luis Fabiano no Morumbi, e Jadson, um camisa 10 como há muito tempo o corintiano não via, terão de assistir ao encontro do próximo fim de semana do banco de reservas.

A única opção para que ambos estejam em campo é o pagamento de uma vultuosa multa, algo que nem corintianos e nem são-paulinos devem fazer. Afinal, se queriam que os dois jogassem, não deveriam ter colocado multa, certo?

Em um futebol tão chato, monótono e de baixo nível técnico, as diretorias de Corinthians e São Paulo marcam pontos negativos por privarem seus torcedores de um raro momento de emoção que poderia acontecer neste fim de semana. Uma pena. O futebol brasileiro perde com isso.



Apaixonado por futebol e esportes em geral.