Opinião: Lugano não tem que voltar para o São Paulo

Lugano não tem que voltar para o São Paulo. Sigo e repito com esta mesma opinião. Mesmo sabendo que os torcedores do Tricolor anseiam pela sua volta, porque ele ficou disponível no mercado após deixar o futebol inglês.

Mas vamos nos ater aos fatos: o xerife uruguaio de 2014 não é o mesmo de 2005. E ainda custa caro. Ou vocês acham que Lugano aceitaria jogar no São Paulo por 200 mil reais? Na melhor das hipóteses, ele viria pelo dobro disso. E ainda assim não valeria a pena.

Taticamente, Lugano só poderia dar certo, a meu ver, num São Paulo que atuasse no 3-5-2, porque ele jogaria como líbero. Aos 33 anos, o zagueiro não tem mais o vigor e a rapidez de antes.

DESTAQUES:
Lucas mata saudades do São Paulo já na chegada ao Brasil
Lucas é recebido por fãs em SP e entra na seleção do Francês

Tem outro fator que praticamente veta o retorno de Lugano ao São Paulo: as experiências malsucedidas da atual diretoria com voltas recentes de jogadores que estavam na Europa. Claro que Cicinho e Ilsinho, somados, não representam metade da idolatria que Lugano representa para o Tricolor. Mas o fracasso do repatriamento de ambos assustou os dirigentes.

Lugano só acrescentaria ao São Paulo, a meu ver, pela raça com que joga e a liderança que tem, dois fatores que realmente faltam ao atual elenco. Mas vale gastar no mínimo 400 mil reais por mês e ter isso como retorno? Penso que não.

Porém, torcedor. Se mesmo assim, você acha que Lugano tem que voltar, faça o seu papel: se mobilize. Somente o clamor do são-paulino, no estádio e nas redes sociais, poderá fazer com que o zagueiro uruguaio retorne ao Tricolor.

Crédito: Getty Images



Jornalista de esportes desde 2005, com passagem pelo UOL e Terra. Editor de comunidades do Torcedores.com e blogueiro do renanprates.com