Opinião: Leandro Damião para o lugar de Diego Costa não é bom negócio

Fernando Torres, Aguero, Fórlan, Falcão Garcia e Diego Costa são alguns dos grandes atacantes que o Atlético de Madrid teve a sua disposição nos últimos anos. É com este último, porém, que os Colchoneros poderão conquistar os títulos espanhol e da Champions League, mas, diante de tanto sucesso, D. Costa dificilmente permanecerá no clube para a próxima temporada. Sendo assim, eis que o nome de Leandro Damião surge como opção.

DESTAQUES
O que mudaria para Diego Costa no Chelsea?
Diego Costa é o atacante perfeito para o Chelsea

O atual atacante do Santos atuou nesta temporada em 16 partidas e marcou 5 gols. O desempenho, no entanto, é muito abaixo do alto investimento feito pela sua aquisição: aproximadamente 40 milhões de reais. Na Vila Belmiro, Damião não vem agradando.

Seus histórico, entretanto, é muito bom. Pelo Internacional, nas temporadas de 2010 a 2013, L. Damião disputou 181 jogos e balançou as redes 89 vezes, mas no ano passado caiu de rendimento (13 gols em 50 partidas) e, ante o fracasso do Colorado, foi negociado.

Atualmente, L. Damião não é visto como um atacante de confiança. Contestado no seu atual clube, como também o era no anterior, o camisa 9 perdeu espaço na seleção brasileira após lesionar-se na véspera da Copa das Confederações e não é mais visto como o grande jogador que prometeu ser quando surgiu no Internacional.

O Atlético de Madrid, por sua vez, tem um retrospecto recente de apostar em centroavantes e obter bons resultados.Os nomes listados acima são a prova viva disso, mas a contratação de Villa para a atual temporada deixou a desejar e mostrou que os Rojiblancos também podem errar.

Sendo assim, invistir 40 milhões de reais, como se especula, na contratação de L. Damião não parece ser um bom negócio para o time de D. Simeone. O camisa 9 da Vila não está em boa fase, assim como também não esteve em seu último ano pelo Internacional, mas existe algo mágico no Atlético de Madrid com jogadores que chegam para marcar gols e, quem sabe, essa magia não pode transformar L. Damião?

Foto: Wander Roberto/VIPCOMM