Opinião: Brasileiros estão passando vergonha nesta Libertadores

Os times brasileiros estão passando vergonha nesta Libertadores. Dos seis representantes, o Cruzeiro foi o único que avançou para as quartas de final, após passar com muitas dificuldades pelo Cerro Porteño.

Atlético-PR, Flamengo e Botafogo não conseguiram nem passar da primeira fase da Libertadores. Grêmio e Atlético-MG caíram nas oitavas de final.

A última vez que aconteceu algo parecido foi em 2011. Inter, Grêmio, Fluminense e Cruzeiro caíram nas oitavas de final. O Corinthians nem lá chegou, pois foi eliminado na Pré-Libertadores! A sorte dos brasileiros é que o Santos foi campeão e salvou o ano naquela oportunidade.

Penso ser uma prova clara do péssimo momento técnico que está passando o futebol brasileiro. Os clubes paulistas, que tem muita tradição na Libertadores, nem conseguiram se classificar para a edição deste ano. O Vasco disputa a Série B em 2014. O Fluminense só não está na segunda divisão porque conseguiu ficar na primeira via tapetão.

O poder monetário dos clubes brasileiros para montar bons elencos é muito maior do que o dos rivais sul-americanos. E por que temos apenas um representante dos oito que ficaram na disputa das quartas de final da Libertadores deste ano? Porque ficamos tecnicamente para trás.

É a hora do futebol brasileiro acordar. Não adianta a seleção brasileira vencer a Copa do Mundo e os times nacionais passarem vergonha nas competições internacionais. Alguma mudança drástica precisa acontecer.

Crédito: Flickr do Atlético-MG/Divulgação



Jornalista de esportes desde 2005, com passagem pelo UOL e Terra. Editor de comunidades do Torcedores.com e blogueiro do renanprates.com