Opinião: Bale vai de vilão a heroi do Real na Champions

Real Madrid
Getty Images

Gareth Bale custou quase 100 milhões de euros ao Real Madrid. Voluntarioso, foi um dos que mais participou da final da Champions, mas vinha sendo criticado pelos gols que perdeu. Vale tudo isso? Todos questionaram, em tom de chacota. Mas ele fez o gol que praticamente deu o décimo título da Champions aos merengues, pois Marcelo e Cristiano Ronaldo completaram a injusta goleada por 4 a 1.

As análises não podem ser imediatistas. Antes ou depois de ter marcado o gol, para mim é claro: Bale não vale 100 milhões. Foi voluntarioso, fez uma boa temporada, marcou seis gols em 12 jogos pelo Real Madrid na Champions. Mas calma lá, né?

Di Maria valeu muito menos aos cofres do Real Madrid e foi muito mais importante. Até Cristiano Ronaldo custou menos que o galês. E nem preciso falar tudo que ele fez, não é? Apesar de estar apagado em boa parte da final da Champions.

Destaque também para a grande partida de Marcelo, que entrou no decorrer da partida, e o gol importantíssimo de Sergio Ramos, marcado nos acréscimos, que levou a partida contra o Atlético de Madrid para a prorrogação.

DESTAQUES:
Diego Costa deixa a final da Champions lesionado
Veja as melhores fotos da final da Champions
Você sabe quem é o maior artilheiro brasileiro na Champions?

Aliás, como o destino é cruel para o Atlético na Liga dos Campeões. Assim como há 40 anos, levou o gol nos acréscimos e perdeu o título após sofrer goleada. Mas ficam os inúmeros elogios aos comandados do técnico Simeone. Foram além dos próprios limites. E se perderam, caíram também pela condição física de disputar uma temporada tão intensa com um elenco reduzido. Pelo menos, foram merecidamente campeões espanhois.



Jornalista de esportes desde 2005, com passagem pelo UOL e Terra. Editor de comunidades do Torcedores.com e blogueiro do renanprates.com