Ney Franco é a solução para o Flamengo?

Vipcomm

O futebol brasileiro tem o hábito de sempre que um time não vai bem trocar o treinador. O Palmeiras fez isso no meio da semana e, no jogo seguinte, venceu. Seguindo essa linha, o Flamengo tirou Jayme Almeida e repatriou Ney Franco, mas será que a simples mudança de técnico resolverá o problema do time da Gávea?

Em 2006, Ney Franco assumiu o time antes da final da Copa do Brasil e conquistou o título. Feito semelhante também fez Jayme de Almeida no ano passado, quando ocupou o cargo deixa por Mano Menezes. Em 2009, é bom lembrar, que Andrade se tornou treinador após a saída de Cuca no meio do Brasileirão e, no final da temporada, ganhou o hexa.

A curto prazo, essas mudanças de treinadores dão resultados satisfatórios. A questão é quando se pensa no futuro e aí se descobre que treinadores-bombeiros não são a solução.

Ney Franco, porém, está longe de se enquadrar neste perfil. Seus trabalho por Atlético-PR, Coritba, Flamengo, Botafogo, Vitória e São Paulo não tiveram esse perfil e, ainda que nem sempre conquiste títulos, Ney consegue não só apagar incêndios como recolocar as equipes em ordem.

Essa é a expectativa do Flamengo. Apático taticamente, a diretoria espera que o novo técnico consiga fazer a equipe jogar. O elenco, aliás, não é grande coisa, mas Ney Franco é o típico treinador que consegue tirar leite de pedra.

Foto: Dorival Rosa/VIPCOMM