Mercedes deixa rivais para trás e vence de novo da Fórmula 1

Está ficando chato. Quinta corrida na temporada 2014 da Fórmula 1, quinta vitória da Mercedes. Neste domingo (11), o inglês Lewis Hamilton foi o mais veloz no Grande Prêmio da Espanha. Seu companheiro de equipe, o alemão Nico Rosberg, foi o segundo. O australiano Daniel Ricciardo, da Red Bull, fechou o pódio. O brasileiro Felipe Massa, da Williams, foi apenas o 13º. Com a vitória, Hamilton se tornou o novo líder da temporada, com 100 pontos. Rosberg é o vice, com 97.

Assim como nas quatro primeiras etapas do calendário (Austrália, Malásia, Bahrein e China), não teve para ninguém. As Flechas de Prata de Hamilton e Rosberg dominaram os treinos classificatórios e as corridas. A Red Bull, grande bicho papão das últimas quatro temporadas, está comendo poeira. Ferrari, McLaren e Wlliams, ainda mais.

Tais resultados já permitem duas conclusões. A primeira é que a Mercedes já é a campeã de construtores deste ano. E a outra é que Hamilton e Rosberg só perderão o campeonato para Fernando Alonso, da Ferrari (3º na classificação geral com 49 pontos) caso uma improvável reviravolta aconteça nas 14 provas restantes. Pelos resultados até o momento, Hamilton é o favorito a ser campeão.

O que faz, então, da equipe da Alemanha uma força tão dominante da Fórmula 1 neste ano?

Em 2014, muita coisa mudou na categoria. O regulamento forçou as equipes a adotarem, entre outras coisas, bicos mais baixos (o que gerou aberrações visuais) por razões de segurança e motores turbo em vez dos V8 aspirados. As modificações deixaram um grande ponto de interrogação no fim de 2013. A Mercedes se deu bem por compreender melhor as mudanças e aplicar as modificações em seus veículos. Nos primeiros testes feitos em 2014, as Flechas de Prata já abriram vantagem. Ferrari e Red Bull dormiram no ponto.

A próxima etapa da Fórmula 1 é o Grande Prêmio de Mônaco, no próximo dia 25. A depender dos resultados, a chance de nova vitória da Mercedes é grande. No ano passado, Rosberg cravou a pole position e venceu a corrida.



Jornalista, editor do Torcedores.com. Passagens pelos jornais Metro, O Estado de S. Paulo, Jornal da Tarde, Marca Brasil, Agora São Paulo, Diário de S. Paulo e Diário do Grande ABC.