Mayweather: 46 vitórias e contando

Aos 37 anos e com (quase) nada a provar ao mundo do boxe, o americano Floyd Mayweather segue fazendo história. O americano venceu o argentino Marcos Maidana na madrugada deste domingo (4), em MGM Grand Garden Arena, por decisão majoritária, manteve o cinturão dos meio-médios (66 kg) do Conselho Mundial de Boxe e ganhou o título da Associação Mundial de Boxe.

Foi o 46º triunfo de “Money” em 46 lutas, 26 delas vencidas por nocaute. El Chino, por sua vez, chegou à quinta derrota em 39 combates – ele tem 35 vitórias, 31 por nocaute.

DESTAQUES
Mayweather tenta manter invencibilidade neste sábado
Antes de luta, Mayweather ‘treina’ em spa com Justin Bieber; veja

Além de mais uma vitória para a coleção, Mayweather negou ao fim do combate que vai se aposentar dos ringues. Antes do combate contra o sul-americano, chegou a dizer que teria, talvez, mais três lutas antes de pendurar as luvas. Mas, pelo jeito, ele deve refazer o planejamento:

“Se os fãs querem ver de novo, vamos fazer de novo”, disse, ao fim do duelo.

E que duelo. Maidana começou com muita velocidade, deixando Mayweather nas cordas nos dois primeiros rounds. Entre o terceiro e sexto rounds, o americano, favoritíssimo nas casas de apostas, equilibrou as ações, até que, no sétimo assalto, virou a luta e não saiu mais do comando.

A estratégia de esquivas, contragolpes e defesa sólida funcionou e cansou o sul-americano, que foi à luta para nocautear e deu trabalho para o campeão.

Ao fim de 12 rounds, o resultado da arbitragem mostrou o equilíbrio da luta: um dos juízes assinalou empate (114 a 114) enquanto dois foram a favor do americano (117 a 111 e 116 a 112).



Jornalista, editor do Torcedores.com. Passagens pelos jornais Metro, O Estado de S. Paulo, Jornal da Tarde, Marca Brasil, Agora São Paulo, Diário de S. Paulo e Diário do Grande ABC.