Massa supreendente e Bianchi histórico em Mônaco

massa

O brasileiro Felipe Massa teve uma corrida surpreendente e terminou na sétima colocação no GP de Mônaco. Mas o francês Jules Bianchi que fez história ao conquistar os primeiros pontos da Marussia na Fórmula 1 com a nona colocação em Mônaco. O alemão Nico Rosberg venceu a prova e é o líder do campeonato.

Massa me fez queimar a língua. No post deste sábado, escrevi que ele teria que se benzer por ter praticamente jogado a corrida no lixo quando foi atingido por Ericsson no treino classificatório. Mas o brasileiro foi bem na estratégia e no desempenho, conseguindo um ótimo sétimo lugar (para as circunstâncias) e ainda de quebra reduzindo a diferença no campeonato para o companheiro de equipe Valteri Bottas, que não completou a prova.

Jules Bianchi fez história pelo desempenho na corrida e pela ousadia. Ele foi punido pela FIA, mas não foi cumprir a punição. Por isso, terminou em oitavo. Mas segundo as regras da Fórmula 1, ele tem segundos descontados que fazem com que caia para o nono lugar, posição ainda história para ele e a Marussia.

Mas Mônaco teve outras histórias interessantes. O britânico Lewis Hamilton declarou no rádio para a sua equipe Mercedes que teve um problema no olho que o estava impedindo de ter um melhor desempenho. Ele quase perdeu a segunda colocação para o australiano Daniel Ricciardo. Mas, quando a imagem o mostrou depois do GP, ele parecia não ter nada. Estranho…

E você, o que achou do GP? Comente na área destinada aos comentários abaixo!



Jornalista de esportes desde 2005, com passagem pelo UOL e Terra. Editor de comunidades do Torcedores.com e blogueiro do renanprates.com