Mano Menezes voltou ao Corinthians como retranqueiro?

Corinthians

Mano Menezes voltou ao Corinthians para a disputa da atual temporada. No Paulistão, teve muitos problemas, principalmente defensivos. O ápice talvez tenha sido na derrota por 5 a 1 para o Santos, que escancarou a necessidade urgente de resolver esta questão. Agora no Brasileirão, ficou a dúvida: o treinador virou retranqueiro?

O Corinthians tem a melhor defesa do Campeonato Brasileiro ao lado do Santos. Ambos sofreram apenas um gol em quatro partidas. Mas o Timão teve méritos de ter a defesa vazada apenas no último jogo, quando foi vazado por Luis Fabiano no segundo tempo.

Mano tem se tornado retranqueiro neste retorno ao Corinthians. E defendo esta tese com o argumento de que esta retranca existe muito mais na mentalidade do que no esquema tático. Afinal de contas, é difícil argumentar que um time é retranqueiro com um lateral como o Fagner em campo…

O Corinthians tem atuado no Brasileirão de uma forma excessivamente cautelosa. O Timão tem conquistado pontos importantes com isso, mas acredito que perde oportunidades de pontuar ainda mais. Contra o São Paulo, por exemplo: por que recuar tanto? Para sofrer o gol de empate?

Outro exemplo que me chamou atenção foi contra o Atlético-MG. O Galo atuava fora do Independência e estava visivelmente desfocado no Brasileirão, pois ainda estava na disputa da Libertadores. E o Corinthians, que só pensava no Nacional, saiu de lá satisfeito com o empate, mas perdendo uma grande oportunidade de se impor e sair vencedor.

Entendo o que faz Mano Menezes ser cauteloso nesta nova fase do Corinthians. Numa fase de transição brusca como essa que o Timão está vivendo, talvez seja bom ‘fechar a casinha’. Mas esta nova fase não condiz com as tradições do clube.

Crédito: Divulgação



Jornalista de esportes desde 2005, com passagem pelo UOL e Terra. Editor de comunidades do Torcedores.com e blogueiro do renanprates.com