No dia do trabalho, Muricy merece ser homenageado

Você que está curtindo em plena quinta-feira um feriadão. Se tivesse que responder sobre que personalidade merece uma homenagem no Dia do Trabalho, o que diria? Nós, da redação do Torcedores.com, apostamos que a resposta seria uma só: Muricy Ramalho. Afinal de contas, quem melhor cunhou a expressão “aqui é trabalho” do que ele?

Muricy fez por onde ser lembrado no Dia do Trabalho na carreira, não só pela página famosa no Facebook ou pela expressão marqueteira que criou. Relembre exemplos que comprovam esta teoria:

– Tirou o São Paulo do rebaixamento em 2013: Assumiu o São Paulo em crise, por várias rodadas na zona de rebaixamento e com brigas internas no elenco. Na base da conversa e do trabalho, tirou o clube da zona da degola com folga.

– Levou o Santos ao título da Libertadores em 2011: Assumiu o Peixe no meio da Libertadores, com reais chances de cair ainda na primeira fase. Não só passou para a segunda fase, como foi campeão da competição, quebrando um jejum de 48 anos da equipe.

– Foi campeão com o Fluminense em 2010: Conseguiu superar o fato de que foi proibido pelo presidente do Fluminense de acertar com a seleção brasileira para realizar um sonho na carreira e, mesmo assim, conduziu o grupo formado por Fred e companhia para o título brasileiro, acabando com um jejum de conquistas do Tricolor carioca de 26 anos neste torneio.

– Foi campeão paulista com o São Caetano em 2004: Assumiu o time antes comandado por Tite no meio do Paulistão e levou a equipe do ABC ao seu primeiro título paulista na história.

Crédito da foto: Reprodução/Facebook



Redação do Torcedores.com