Copa do Brasil caminha para funil com mata-mata entre grandes

Copa do Brasil

A Copa do Brasil ficou bem mais longa e, logo mais, terá a presença do Cruzeiro, eliminado da Libertadores da América pelo San Lorenzo, da Argentina. Com isso, após a rodada da última quarta-feira, tende a ter um funil recheado de times grandes do país, sem espaço para zebras.

O mais ameaçado por uma surpresa era o Palmeiras, derrotado pelo Sampaio Corrêa no jogo de ida. Mas só até a bola começar a rolar no Pacaembu. Superior aos maranhenses, o Verdão fez 2 a 0 e despachou o novo candidato a Asa de Arapiraca em sua vida.

Outro favorito que atropelou a zebra antes mesmo dela acordar foi o Internacional, que havia empatado com o Cuiabá na primeira partida, mas, jogando em casa, foi soberano: 4 a 1e classificação garantida.

DESTAQUES
Henrique é lampejo de alegria no Palmeiras
Opinião: Alan Kardec pra que?

Outro duelo importantes que definiu um time da próxima fase reuniu Bahia e América Mineiro, com classificação nordestina, de virada. No encontro Ceará x Chapecoense, primeiro da série, vitória dos donos da casa sobre o time da elite brasileira.

A rodada foi completada com o empate entre Santa Cruz e Botafogo da Paraíba na primeira perna (0 a 0) e com a classificação do ABC, de Natal, em cima do Atlético Goianiense.

Nesta quinta é a vez do Santos, que recebe o Princesa dos Solimões e precisa de um empate para confirmar presença no funil dos grandes, também já habitado por Fluminense, Corinthians, São Paulo, Coritiba e Ponte Preta.



Redação do Torcedores.com