Carlos Alberto no Botafogo: presente de grego para a torcida

A sexta-feira até que começou legal para os botafoguenses. A noticia que circulava na rede era que o clube estava tentando a contratação de Maxi Rodriguez, atualmente no Grêmio. O que os alvinegros não sabiam era que a diretoria do clube tinha uma surpresa para a torcida, um presente de grego. É isso, o Botafogo está repatriando o meia Carlos Alberto, que teve passagens pelo clube em 2008 e saiu pelas portas do fundo.

CA19 teve um começo de carreira promissor, mas as seguidas contusões lhe deram alguns status ruins. Contratar o Carlos Alberto hoje é um tiro no escuro que bem provavelmente dará errado. Não acho que o meia deve se aposentar e largar o futebol, mas também não vejo o jogador com condições de atuar em um grande clube do futebol brasileiro.

Carlos Alberto, Adriano, Bernardo, Jóbson e alguns outros no Brasil, ao meu ver, estão no mesmo barco. O clube que contrata um desses jogadores com o pensamento de que “se jogar SÓ futebol será útil” é apostar no incerto. O futebol profissional cada vez mais fecham as portas para jogadores não-profissionais. Carlos Alberto está nesse grupo de atletas que tem um péssimo custo benefício.

Carlos Alberto vem de uma rescisão de contrato com o Goias, que tem um investimento menor que o Botafogo. Se não serviu pra eles, por que serviria ao alvinegro? Deram a corda pro Botafogo e ele está se enforcando sozinho.



Estudante de jornalismo, 20 anos e carioca.