Opinião: Cabeça quente de Fred preocupa para a Copa

Flamengo x Fluminense

Dizem que a primeira impressão é a que fica, mas, certamente, a última é a que mais assusta. E é para ficar assustado mesmo, pois a cabeça quente de Fred deve deixar ainda mais grisalhos os poucos fios capilares que restam em Felipão.

Fred foi expulso contra o Grêmio por agarrar pelo pescoço o zagueiro Alan Ruiz, após ambos terem se estranhado dentro da área no tradicional empurra-empurra das jogadas de bola parada. O experiente centroavante da seleção brasileira deixou o tricolor carioca na mão na partida, já que com um homem a menos o Grêmio conseguiu segurar o placar de 1 a 0 construído até ali.

DESTAQUES
Fred flerta com a Europa e pode quebrar contrato com o Flu
Opinião: Fred não é o herói nacional que a Globo quer vender

Essa não é a primeira vez que Fred é expulso por agredir um adversário. No ano passado, o jogador se envolveu em confusão semelhante com o zagueiro Jomar e, após acertá-lo de maneira infantil, também foi convidado a se retirar ainda no 1º tempo, prejudicando novamente o Fluminense que na ocasião foi derrotada por 3 a 1.

Atitudes desse tipo também são corriqueiras nas eliminação da seleção brasileira em Copas do Mundo. Historicamente, o famoso pênalti cometido por Domingos da Guia na semi final da Copa de 1938, contra a Itália, foi um dos primeiros momentos em que o destemperamento de um jogador do Brasil prejudicou a equipe.

Mais recentemente, quem não se lembra da lambuzada que F, Mello protagonizou em 2010, contra a Holanda, quando não só marcou um gol contra, como também foi expulso de forma infantil e impediu qualquer possibilidade de reação do Brasil. Na ocasião, a derrota por 2 a 1 acabou com o sonho do Hexa e pôs fim a era Dunga.

Sendo assim, Felipão e a torcida brasileira precisam ficar ligados em como anda a cabeça do camisa 9. Fred é um jogador que pode decidir a partida em qualquer momento, seja marcando gols ou, como na partida contra o Grêmio, perdendo a cabeça e prejudicando sua equipe.

Veja quem são os convocados para a seleção brasileira na Copa: