Com Marta no time, Ronaldo e Zidane vencem Jogo contra a Pobreza

Ronaldo e Zidane, rivais na final da Copa de 1998 e companheiros no Real Madrid de 2002 a 2006, voltaram a estar em campo nesta terça-feira de carnaval, na 11ª edição do Jogo contra a Pobreza. Dessa vez, em Berna (Suíça), os dois atuaram juntos, e não em times opostos, como em outras edições da tradicional partida beneficente. E puderam, além de ajudar projetos sociais, comemorar a vitória por 8 a 6 do time dos seus amigos diante do Young Boys.

Apesar de uma constelação de grandes nomes do futebol em campo – além de Ronaldo e Zidane, foram a Berna Figo, Cannavaro, Maldini, Nedved e Hierro – , o destaque no primeiro tempo foi o ex-atacante Chapuisat, um dos grande nomes da história do futebol suíço. Aos 44 anos, o campeão europeu pelo Borussia Dortmund em 97 não sentiu o peso do afastamento de oito anos dos gramados e fez três gols para o Young Boys. O último como direito a um belo toque por cobertura sobre o goleiro grego Nikopolidis.

Menos de 72 horas depois de ser homenageado no Carnaval de São Paulo pela Gaviões da Fiel, Ronaldo encarou a chuva e o frio de 4 graus na Suíça. E bem que o velho amigo Zidane tentou fazer com que o Fenômeno deixasse a sua marca de artilheiro. Mas após dois belos passes do francês, o brasileiro primeiro parou no jovem goleiro Von Ballmoos (19 anos), que defendeu um toque de cobertura do camisa 9. E depois chutou por cima.

Aos 35 minutos, Ronaldo, visisivelmente cansado, foi substituído por Marta. E a brasileira entrou com muita disposição para mostrar seu talento no meio dos homens. A camisa 10 da seleção brasileira feminina participou diretamente do primeiro gol da equipe dos organizadores do jogo beneficente. Após receber de Zidane, Marta chutou forte, o goleiro Collaviti defendeu, e a alagoana deu o passe para o ídolo francês, que mandou a bola para a rede.

Leia a notícia completa no site do SporTV:



Redação do Torcedores.com