Brasileiro rival brilha, Dagoberto perde pênalti, e Cruzeiro sofre 2º revés

O Cruzeiro não resistiu ao bom futebol do atacante Felipe Gedoz e foi derrotado pela segunda vez na Taça Libertadores. Nesta terça-feira, jogando em Montevidéu, perdeu para o Defensor, por 2 a 0, com dois gols do brasileiro, ambos no segundo tempo. A Raposa jogou mal. Fez um primeiro tempo em que não acertou sequer um chute na direção do gol e foi dominado na etapa final, mesmo com o adversário jogando com um homem a menos desde os 23 minutos. Arias foi expulso após cometer pênalti, desperdiçado por Dagoberto quando o placar apontava 1 a 0.

O resultado fez com que o Defensor tomasse do Cruzeiro a liderança do Grupo 5, com seis pontos. Os brasileiros caíram para segundo, com três pontos, e podem terminar a rodada até na lanterna. Real Garcilaso e Universidad de Chile, ambos com três pontos, ainda se enfrentam nesta terça-feira, às 23h30m (de Brasília).

– No primeiro tempo, achei que jogamos melhor e tivemos pelo menos três oportunidades. Tivemos o controle do jogo. A única vez que eles chegaram foi num erro nosso, e esses erros, no segundo tempo, provocaram gols. O pênalti foi um momento psicológico do jogo. Se faz o gol, com um a mais em campo, era diferente. Não tem que crucificar ninguém. O adversário é muito rápido no contra-ataque e tem boa técnica. A gente estava pouco inspirado também – avaliou o técnico Marcelo Oliveira.

Captura de Tela 2014-03-11 às 23.45.20

DEFENSOR 2 X 0 CRUZEIRO

Local:  Estádio Luis Franzini, em Montevidéu (URU)
Data: 11 de março de 2014, terça-feira
Horário: 19h (de Brasília)
Árbitro: Diego Abal (ARG)
Assistentes: Gustavo Rossi e Ernesto Uziga (ambos da Argentina)
Cartões amarelos: (Defensor) Arias, Zeballos (Cruzeiro) Ceará, Rodrigo Souza, Everton Ribeiro, Tinga
Cartão vermelho: (Defensor) Arías
Gols:
Defensor: Felipe Gedoz, aos 18 e aos 32 minutos do segundo tempo

DEFENSOR: Campaña; Zeballos, Arias, Malvino e Herrera; Felipe Gedoz (Pais), Arrascaeta, Fleurquin e Cardaccio; Oliveira (Correa) e Risso (Alonso)
Técnico:Fernando Curutchet

CRUZEIRO: Fábio; Ceará, Bruno Rodrigo, Dedé e Egídio; Rodrigo Souza (Marlone), Nilton, Ricardo Goulart e Everton Ribeiro (Tinga); Dagoberto e Marcelo Moreno (Willian)
Técnico: Marcelo Oliveira

Veja a noticia completa e os gols no Globo Esporte



Redação do Torcedores.com