Time inglês inova com treinamento pra lá de “perigoso”

Apesar de estar apenas na terceira divisão do Campeonato Inglês, o Leyton Orient inovou com um treino interessante e perigoso. No caso, o treinador do time posicionou dois gols a uma distância de 9,15 metros, e fez os goleiros disputarem um “gol a gol”.

Com apenas um minuto para marcar o maior número de gols possíveis, Bem Bridle-Card e Jake Larkins deram chutes extremamente fortes, fazendo com que um deles sentisse fortes dores após uma finalização.

Agora, onde entra a importância desse treinamento? No futebol, o reflexo do goleiro é de extrema relevância. Assim, com certeza, os atletas melhorarão no quesito. Seria interessante até mesmo que jogadores de linha participassem da “modalidade”.

Assista ao vídeo do “gol a gol” abaixo:

 



Paulistano e apaixonado por esportes