Alessandro confirma dificuldade em dar adeus aos gramados

A partida do último sábado (30) marcou a carreira de Alessandro e Tite, dois grandes nomes da história do Corinthians. Fora o treinador, que não comandará o Timão na próxima temporada, o lateral-direito se despediu dos gramados.

Com 34 anos, Alessandro anunciou que não tem condições de seguir atuando em alto nível em 2014. Ciente das limitações, o atleta tomou a decisão no meio do ano.

Na partida contra o Internacional, em seu último compromisso vestindo a camisa do time paulista, ele recebeu uma série de homenagens da diretoria, e não escondeu a dificuldade em “abandonar” o futebol.

– Hoje (sábado) foi difícil jogar. Olhar para a arquibancada e saber que não vou mais viver isso. Foi com certeza a partida mais difícil que eu já joguei em toda a minha vida.

Apesar do adeus, Alessandro ainda pretende seguir com algum cargo dentro do Corinthians. Mas, sem querer intervir na função que terá no futuro, o ex-jogador deixou a decisão nas mãos da diretoria.

– Sobre o que o Alessandro vai fazer é a diretoria, o presidente, o pessoal que vai resolver. Estou à disposição para ajudar, quero retribuir porque foram coisas muitos especiais.

Com a bola rolando, o Timão não saiu do zero na partida contra o Internacional. Atualmente, a equipe comandada por Tite aparece apenas na 10ª colocação na tabela de classificação, com 50 pontos conquistados.



Paulistano e apaixonado por esportes