Finalmente um dia para comemorar no tênis brasileiro

O tênis brasileiro vem atravessando momento conturbado. Fora Marcelo Melo e Bruno Soares, que se destacam nas duplas, apenas Teliana Pereira integra o Top 100 do ranking mundial da modalidade.

Apesar disso, o fim de semana foi muito positivo para o país. Em Xangai, Marcelo Melo e Ivan Dodig venceram David Marrero e Fernando Verdasco, por 2 a 1, com parciais de 7/6, 6/7 e 10/2, para ficar com o título do Masters 1000.

Com o prêmio, a dupla somou 1000 pontos e saltou da sexta para a terceira posição do ranking da ATP. No jogo que antecedeu a grande final, Melo ainda eliminou os irmãos Bryan, que atualmente são os melhores do mundo.

Horas mais tarde, João Souza levou o Brasil ao lugar mais alto do “pódio” novamente. No Challenger de São José do Rio Preto, Feijão venceu o colombiano Alejandro Gonzalez, por dois sets a zero, com parciais de 7/6 e 6/3.

Com a vitória, João Souza saltou para a 134ª posição no ranking da ATP. Atualmente, o brasileiro melhor posicionado é Thomaz Bellucci, que aparece apenas na 117ª colocação.

 



Paulistano e apaixonado por esportes