Atletas podem transformar o futebol em algo melhor para todos nós

Foto: Divulgação/Bom Senso

Bom Senso FC | Atletas definem pontos de debate com a CBF (TV Globo, vamos dizer a verdade…)

No dia 30 de setembro de 2013, reuniram-se pela primeira vez parte do grupo do movimento Bom Senso FC, que já conta com o apoio de mais de 300 atletas das Séries A e B do Campeonato Brasileiro.

O encontro contou com a presença de vinte jogadores de vários clubes do país e teve como objetivo definir propostas centrais para questões que têm repercutido no rendimento dos atletas e na qualidade do nosso futebol, tais como:

1) Calendário do futebol nacional;
2) Férias dos atletas;
3) Período adequado de pré-temporada;
4) Fair Play financeiro;
5) Participação nos conselhos técnicos das entidades que regem o futebol.

Ao final da reunião um documento foi assinado por todos atletas presentes. O mesmo será encaminhado para a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), requisitando um encontro para que possam ser debatidos os temas acima, visando benefícios ao futebol brasileiro.

Signatários:

Barcos (Grêmio), Dida (Grêmio), Alex (Coritiba), Gilberto Silva (Atlético-MG), Lincoln (Coritiba), Fabrício (São Paulo), Rafael Moura (Internacional), Gabriel (Internacional), Juan (Internacional), D’Alessandro (Internacional), Alex (Internacional), Deivid (Coritiba), Jadson (São Paulo), Edu (sem clube), Bruno (Palmeiras), Corrêa (Portuguesa), Edu Dracena (Santos), Rogério Ceni (São Paulo), Paulo César (sem clube) e Paulo André (Corinthians).

Pitacos da noticia:

Ótimo para todos caso essas propostas forem aprovadas, porém para cada proposta cabe um cometário.

1) Calendário do futebol nacional;

Envolve muita coisa, não há qualquer possibilidade de alterar de uma hora para outra, ou seja, Rogério Ceni e Alex entre outros não jogaram nesse novo calendário.
2) Férias dos atletas;

Tem que ter a mudança no calendário primeiro, caso não tenha,  as férias continuaram as mesmas.
3) Período adequado de pré-temporada;

Mesma dependência das anteriores.
4) Fair Play financeiro;

Apenas um comentário, Gareth Bale foi comprado pelo Real Madrid por 100 milhões de euros, se não respeitam esse “Fair Play Financeiro” na Europa, onde já tem um calendário adequado, ou seja, estão na nossa frente de uma forma ou de outra, imagina se vão respeitar no Brasil. E outra, qual será a base desse Fair Play com tanta desigualdade no futebol e na nossa economia???
5) Participação nos conselhos técnicos das entidades que regem o futebol.

Sem comentários para esse tópico.

É isso ai, até a próxima.

Marcelo Lopez.

 

 

 

 

 



Tenho 26 anos e sou estudante de marketing. Aqui no Torcedores vou comentar/postar de tudo um pouco, marketing esportivo, futebol, futsal e outros esportes.