Splitter pede dispensa da seleção: “Sei que vão me criticar”

Getty Images

O pivô Tiago Splitter pediu dispensa da seleção brasileira que disputará a Copa América, entre o período de 30 de agosto e 11 de setembro e vale vaga no Mundial, mas mesmo assim foi chamado pelo técnico Rubén Magnano.

Apesar disso, o jogador do San Antonio Spurs afirmou que não se apresentará e que já conversou com Marcelinho Huertas, capitão da equipe.

“Ele (Magnano) disse que ia convocar da mesma forma. Conversei com ele duas vezes, uma quando eu não sabia o que ia fazer. Deixei consciente de que estava em dúvida. Mas mandei uma mensagem agora dizendo que não ia me apresentar. Eu sei que vai ter gente que vai me criticar. Cada um sabe o que é melhor para si. Eu preferi fazer um jogo franco, falar qual a minha situação. Mas eu sei que o que importa é agora. Mas acontece, basquete é assim. Realmente, só estou preocupado com meus companheiros. Conversei com Marcelo, nosso capitão, há duas semanas”, explicou em coletiva.

Splitter alega que está em fase de renovação de contrato com a NBA, o que dificultaria chegar em um acordo sobre o seguro para poder disputar a competição.



Redação do Torcedores.com