“Podia dar tapinhas na cara dele”, diz algoz de Spider

Em entrevista ao Esporte Espetacular, o norte-americano Chris Weidman, novo campeão dos pesos médios, atacou Anderson Silva.

“Eu também podia derrubá-lo e ficar dando tapinhas na cara dele para mostrar o quanto eu sou melhor no chão, mas não é o meu estilo. Ali o sentimento era de mostrar que ele não deveria fazer aquilo com ninguém. Foi o que eu fiz. O botei em seu lugar”, comemora.

Weidman ainda afirmou que Spider faltou com respeito com ele e com todo o público que acompanhava o combate em Las Vegas, nos Estados Unidos.

“Eu sabia que ele ia fazer isso, ia tentar me intimidar, bagunçar minha cabeça, mas passou do limite. Faltou respeito. Não me cumprimentou antes da luta. O jeito que ele se comportou… Acho que todo mundo, até quem estava assistindo à luta, queria dar um soco nele”, confessou.



Redação do Torcedores.com