Atlético-PR comemora 14 anos de inauguração da Arena da Baixada

Em 24 de junho de 1999, o Atlético-PR realizou um dos maiores sonhos de sua torcida ao inaugurar o que era até então considerado o estádio mais moderno do Brasil. Construído no lugar do antigo Joaquim Américo, a Arena da Baixada teve como jogo inaugural uma partida contra o Cerro Porteño, do Paraguai.

Mais de 32 mil pessoas acompanharam a abertura do novo estádio do Furacão, que ficaria conhecido nos anos seguintes como um grande caldeirão, onde o time da casa era praticamente imbatível. Na era da Arena da Baixada, o Atlético-PR foi campeão brasileiro em 2001, vice-campeão nacional em 2004 e vice-campeão da Copa Libertadores de 2005, derrotado pelo São Paulo em uma final na qual não pôde usar seu estádio devido a restrições do regulamento da competição.

Atualmente, o estádio se encontra em novo processo de reforma para se adequar aos padrões da Fifa e receber a Copa do Mundo de 2014. A Arena vai ganhar um novo tipo de cobertura, que eliminará os antigos pontos cegos que manchavam a imagem do estádio. Além disso, o anel de arquibancadas superiores será finalmente completado, após anos de negociação com a escola que ocupava o terreno vizinho.

Relembre no vídeo abaixo como foi a partida inaugural da Arena da Baixada.

Ficha Técnica:

Inauguração da Arena da Baixada – Amistoso

Atlético Paranaense 2 x 1 Cerro Porteño

Data: 24/06/1999

Árbitro: Ivo Tadeu Scatola

Gols: Lucas, aos 13′ do 1º (Atlético Paranaense); Gauchinho, aos 7′ do 2º (Cerro); Vanin, aos 47′ do 2º T (Atlético Paranaense)

Atlético Paranaense:

Flávio; Luisinho Netto (Alberto),  Marcão (Douglas), Gustavo e Vanin; Clóvis, Renato (Kléber), Ricardo Miranda (Sidney) e Adriano; Lucas e Kelly (Kleberson)

Técnico: Antonio Clemente

Cerro Porteño

Bombadilla; Recaldi (Escobar), Peralta, Denise e Aguillera;  Bianco, Cohener, Roman (Sara) e Jorge Campos (Gómez); Gauchinho (Fernandez) e Cabañas (Dominguez)

Técnico: Carlos Baez



Redação do Torcedores.com